Banner Whats App - Já é Notícia
Política

Publicado Sexta-Feira, 27/03/2020 19:36 | Atualizado Sexta-Feira, 27/03/2020 19:40

Por: Redação com Valor Econômico

Bolsonaro questiona número de óbitos por coronavírus em SP: “Uso político”

 

Foto por: Isac Nóbrega/Presidência da República

O presidente Jair Bolsonaro acusou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de inflar os números de mortos em decorrência do coronavírus no Estado para prejudicar a imagem do governo federal.

“Tem Estado que orientou via decreto que se não tiver causa concreta do óbito, coloque coronavírus, para inflar”, afirmou Bolsonaro em entrevista via telefone para o apresentador José Luiz Datena, da TV Bandeirantes.

O presidente afirmou que São Paulo faz “uso político” do número de óbitos. “Teve 9 óbitos no Rio e 50 em São Paulo, tem que ver o que está acontecendo em São Paulo. Eu não acredito nos números” , afirmou Bolsonaro.

O presidente citou um suposto decreto de Doria que classificaria todas as mortes que ocorressem no Estado como suspeitas de terem sido causadas pelo covid-19.

Procurado, o governo de São Paulo ainda não comentou a fala do presidente.

Segundo Bolsonaro, São Paulo está no caminho errado no combate ao vírus e Doria precisa de um “comprimido de humildade”. “Doria virou papagaio de pirata. Está o tempo todo dando entrevista”, apontou o presidente.

O presidente declarou ainda que se agisse como o governador, estaria todos os dias ocupando as redes de rádio e TV. No entanto, disse que não descarta a possibilidade de fazer um pronunciamento amanhã.

“Quero dar um recado de esperança, e não fazer campanha para 2022” , disse ao ironizar o governador, cotado para concorrer na disputa presidencial daqui a dois anos.

Na entrevista, o presidente ainda pediu calma à população, pois Deus, segundo ele, é brasileiro. “O hidroxicloroquina está dando certo no Brasil. É a solução para isso [coronavírus]”.

Questionado, disse que tossiu durante a entrevista porque tem um problema de refluxo gástrico.
 
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2020
Agência Lúmen