Banner Whats App - Já é Notícia
Oportunidades

Publicado Sexta-Feira, 29/11/2019 14:55 | Atualizado Sexta-Feira, 29/11/2019 14:59

Por: Dicom/TJ-AL

TJ-AL leiloa mais de 90 veículos em dezembro; saiba como participar

 

Foto por: Adeildo Lobo

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL) realiza leilão de mais de 90 veículos no dia 17 de dezembro. Além de motos e carros integrantes do patrimônio do Judiciário, serão leiloados veículos apreendidos vinculados a processos judiciais.

A hasta pública terá início às 8h, no Fórum do Barro Duro (salão do 1º Tribunal do Júri, no terceiro andar). Na primeira praça, os interessados deverão dar lances iguais ou superiores ao valor de avaliação dos bens. Já na segunda praça, às 9h, poderão ser dados lances a partir de 50% do valor de avaliação.

Os veículos que integram o patrimônio do Judiciário estão divididos em duas categorias: ociosos (reutilizáveis), que após consertos e/ou recuperação de peças por parte dos arrematantes poderão ser utilizados para trafegar; e irrecuperáveis (sucatas aproveitáveis), que estão inservíveis para uso, mas cujas peças podem ser reaproveitadas.

Já os veículos apreendidos objetos de processos judiciais subdividem-se em: recuperáveis (reutilizáveis) e sucateados (sucatas aproveitáveis). Os avaliados como sucata somente poderão ser arrematados por empresas.

Toda a documentação exigida para a participação no leilão pode ser conferida no edital publicado no Diário da Justiça Eletrônico desta sexta-feira (29). O último leilão do TJAL ocorreu em junho deste ano e arrecadou R$ 472 mil.

Visitas

Os interessados em conhecer os bens que irão a leilão podem realizar visitas ao Centro de Custódia Temporário de Objetos e Bens Apreendidos da Capital (Av. Cel. Salustiano Sarmento, s/n, São Jorge) no dia 9, das 8h30 às 11h30, ou ao Depósito da Delegacia de Repressão a Entorpecentes da Polícia Federal (Av. Industrial Cícero Toledo, Jaraguá), no dia 10, das 8h30 às 11h30.
 
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2019
Agência Lúmen