Banner Whats App - Já é Notícia
Polícia

Publicado Domingo, 11/08/2019 11:56 | Atualizado Segunda-Feira, 12/08/2019 09:44

Por: Redação

Empresária que teve os dedos decepados não reconhece suspeitos detidos pela polícia

Após a vítima não reconhecer os suspeitos, a dupla foi liberada pela polícia

Foto por: Divulgação redes sociais

Ainda não foi dessa vez que a polícia capturou os criminosos que deceparam os dedos da empresária arapiraquense Marizete Maria de Oliveira.

Na manhã deste domingo (11) a polícia recebeu a denúncia que dois suspeitos do crime estavam escondidos no bairro Primavera, uma guarnição da PM foi ao local, conduziu a dupla para a Central de Polícia, mas a empresária foi até o local e afirmou que os detidos não foram os autores do crime.

Após a vítima não reconhecer os homens, a dupla foi liberada pela polícia.

Recentemente a Polícia Civil divulgou os retratos falados dos criminosos. Após a divulgação já foram dadas várias falsas pistas e divulgadas FakeNews com imagens de outras pessoas. A vítima está acompanhando todo processo do caso e até agora não reconheceu nenhum dos apontados como autores do crime.

Entenda o caso:
Na noite do último dia 27 de julho, Marizete Maria de Oliveira estava em casa sozinha, quando a oficina do casal, que é ligada à residência, foi invadida por dois criminosos. Eles ameaçaram Marizete pedindo a chave de um automóvel que estava na oficina, como ela não estava com a chave, eles deceparam dois dedos da mão da comerciante, usando instrumentos da oficina.

Além disso, os criminosos ameaçaram abusar sexualmente da vítima e chegaram a abrir o sutiã dela, momento em que eles acharam R$ 2 mil que estavam escondidos do sutiã e resolveram ir embora.

Quando o esposo de Marizete chegou em casa, encontrou sua esposa desmaiada. Ele chamou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que socorreu Marizete e a encaminhou ao Hospital de Emergência do Agreste (HEA).

Marizete ficou em estado de choque e, mesmo depois que recebeu alta médica e pode voltar para casa, continuou tomando tranquilizantes para conseguir dormir.
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2019
Agência Lúmen