Banner Whats App - Já é Notícia
Política

Publicado Terça-Feira, 14/05/2019 21:42 | Atualizado Terça-Feira, 14/05/2019 21:57

Por: O Globo

Parlamentares dizem que Bolsonaro recuou de cortes na Educação, mas governo nega

 

Foto por: Reprodução

Um dia antes da greve histórica contra o desmanche na Educação, Jair Bolsonaro recuou e determinou nesta terça-feira (14) a suspensão dos cortes orçamentários no Ministério da Educação (MEC).

A ordem foi passada por telefone ao ministro Abraham Weintraub. Líderes partidários que estavam com Bolsonaro no Palácio do Planalto viram o telefonema.

“O presidente ligou para o ministro na nossa frente e pediu para rever. O ministro tentou contra-argumentar, mas não tem conversa”, declarou o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (PSL-GO), ao UOL.

Não se tem notícia ainda sobre de que forma será feito o anúncio de mais um recuo. Existem três hipóteses: um anúncio de Bolsonaro nas redes sociais; que o Weintraub comunique no plenário da Câmara nesta quarta (15); que o MEC convoque uma entrevista coletiva.
 
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2019
Agência Lúmen