+° c
Banner Whats App - Já é Notícia
Política

Publicado Quinta-Feira, 13/09/2018 13:57 | Atualizado Quinta-Feira, 13/09/2018 14:05

Por: Redação com G1 AL

MPE investiga irregularidades na Previdência Social de Atalaia, entre os anos de 2013 e 2014

Ex-prefeito, professor Mano é suspeito de não repassar ao fundo previdenciário os valores descontados dos servidores públicos municipais 

Foto por: Divulgação

Em publicação desta quinta-feira, 13, no Diário Oficial do Estado (DOE), o Ministério Público do Estado de Alagoas (MP-AL) informou que está instaurando um inquérito civil para apurar denúncia de desvio e apropriação de recursos da Previdência Social do Município de Atalaia (AtalaiaPrev).

Os desvios, segundo o MPE foram cometidos nos anos de 2013 e 2014, período em que o gestor era Manoel da Silva Oliveira, conhecido como professor Mano. Segundo o MPE, a investigação irá verificar valores que foram descontados na folha de pagamento dos servidores municipais, mas que não foram repassadas para a previdência municipal.
A investigação ficará sob o comando do promotor de justiça Paulo Roberto de Melo Alves Filho. O MP deve ouvir testemunhas e solicitar documentos que comprovem a denúncia.

Todo o trabalho investigativo vai ser realizado em conjunto com o Núcleo de Defesa do Patrimônio Público (Nudepat).
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2018
Agência Lúmen