+° c
Banner Whats App - Já é Notícia
Eletrobrás
Entretenimento

Publicado Domingo, 10/06/2018 13:59 | Atualizado Domingo, 10/06/2018 14:06

Por: Assessoria

Arapiraca revela conceito e dia de abertura do São João 2018

Nesta segunda-feira (11), a abertura dos festejos acontecerá às 8h na Casa da Cultura, Centro de Arapiraca 

Foto por: Assessoria

Todo mundo torce por Arapiraca. Até quem não é nascido aqui. É que nossa cidade cresce em todos os sentidos e direções, sobretudo, na paixão de ser.

E esse sentimento tem sido retomado com uma sensação de pertencimento invadindo novamente o inconsciente coletivo.

Mirando esse “gol”, o conceito do nosso São João 2018 mistura o amor pelo fogo junino com o calor da Copa da Mundo e traz essa força, essa união entre os povos e as diferentes tribos.

E você está convocado: nesta segunda-feira (11) a abertura dos festejos acontecerá às 8h na Casa da Cultura, Centro de Arapiraca. Haverá coletiva e, em seguida, o destino é a Praça Luiz Pereira Lima, com o forró sob o comando de Afrísio Acácio do Acordeon com o projeto Cultura na Praça Especial de São João.

O local será um dos vários polos juninos este ano. A programação completa ainda é surpresa.

Ali perto, ainda dentro do cronograma da abertura, na Casa da Cultura, o rol estará tomado pela exposição “Biblioteca Forrozeira” contando a história do mestre Severino do Papel, com fotos, rascunhos e histórias de vida dessa referência na tradição nordestina.

Ao longo do mês haverá uma série de atividades e polos, com bandas locais, trios pé de serra, arraiás comunitários, concursos de Rainha do Milho, de culinária e de quadrilhas estilizadas

Todo mundo é plenamente capaz de entrar em campo – ou no tablado – desde que também goste de milho assado e de dançar forró, claro. E quem não sabe, aprende.

Por isso teremos o nosso Centro de Treinamento (CT) do Forró, no Mercado do Artesanato Margarida Gonçalves. E ainda contaremos com um verdadeiro Time de Homenageados.

A festa vai ser quente. Só falta agora o seu apito final vindo curtir o “Aravantu: uma seleção de tradição”.

O conceito

Temos aqui uma conceituação que brinca com o nome da nossa cidade e a palavra abrasileirada “Alavantu”.

Esta última deriva de uma expressão dos folguedos franceses – de onde vem boa parte dos passos de quadrilha – chamada “en avant tout [monde]”, que em livre tradução para o português quer dizer “todos à frente”, “todo mundo vai para a frente”.

Este, então, é o sentido para onde Arapiraca está sendo conduzida, em seu único sentido possível: o do desenvolvimento, o do avanço. Seja ele em quais forem as áreas e ambiências.

A junção de “Arapiraca” com “Alavantu” originou, assim, o Aravantu.

E para dar um certo teor de time ou seleção, remetendo os festejos juninos com a Copa do Mundo da Rússia, utilizamos na logo um brasão onde se identifica uma palha (ou até mesmo uma folha de fumo) e um milho. Acima, uma fogueira, evidenciando esse aconchego inerente ao período.

As cores são as da bandeira de Arapiraca, do Brasil na Copa e do milho, com o verde representando a esperança e o amarelo, o despertar. Aravantu.
 
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2018
Agência Lúmen