Arapiraca
+25° c
Banner Whats App - Já é Notícia
Banner governo pro estrada
Destaque

Publicado Segunda-Feira, 17/07/2017 20:10 | Atualizado Segunda-Feira, 17/07/2017 20:12

Por: Redação

Após denúncias, IML Arapiraca afirma que corpos já foram liberados para sepultamento

 

Foto por: Divulgação

Após denúncias que o Instituto Médico Legal de Arapiraca (IML), não estaria realizando a liberação de corpos, devido à carência de profissionais de necropsia no local, a Assessoria de Comunicação do órgão, informou que todos os corpos que estavam no IML Arapiraca já foram liberados para sepultamento.

A denúncia sobre a não liberação dos corpos ocorreu na manhã desta segunda-feira (17), momento em que os parentes dos mortos foram informados que não haveria liberação. Segundo a população, seis corpos aguardavam a necropsia, sem prazo para liberação e sepultamento.

Em nota, a assessoria de comunicação do IML informou que a demora para liberação dos corpos ocorreu devido à falta de técnico forense que auxilia o médico legista na necropsia dos mortos, o que impossibilitaria a realização dos exames por parte dos médicos.

A nota afirma ainda que, pela escala publicada no Diário Oficial do Estado de Alagoas, no último dia 28 de junho, todos os dias estão preenchidos com a presença de um técnico forense para exercer suas atividades fins no IML de Arapiraca. Mas, como o profissional responsável pelo cargo nesta segunda-feira não compareceu ao IML, o Perito Geral determinou a ida de um Técnico Forense da unidade de Maceió para o de Arapiraca, a fim de sanar o problema.

Após a nota, na noite desta segunda-feira, a assessoria do IML informou que no período da tarde o problema foi solucionado. O técnico forense compareceu ao trabalho e todos os corpos foram necropsiados e liberados para seus familiares.

Leia a nota do IML

A Perícia Oficial do Estado de Alagoas, por meio da Chefia do Instituto de Medicina Legal de Arapiraca, esclarece que a não liberação de corpos até o momento na referida unidade, se deve exclusivamente pela falta de técnicos forenses.

Que os peritos médicos legistas se encontram no IML, mas diante da falta dos técnicos forenses, os mesmos ficam impossibilitados de realizar os exames de necropsias.

Em relação à falta dos técnicos forenses, a Perícia Oficial, esclarece que pela escala publicada no Diário Oficial do Estado de Alagoas, no último dia 28 de junho, todos os dias estão preenchidos com a presença de um técnico forense para exercer suas atividades fins no IML de Arapiraca.

Que ao se negar a cumprir a referida escala, de 40 horas semanais, conforme prevê a Lei estadual nº 6595/2005, o servidor público esta cometendo uma infração administrativa.
Que diante dos fatos, o Perito Geral determinou a ida de um Técnico Forense da unidade de Maceió para o de Arapiraca, a fim de sanar o problema no dia de hoje.

Que ao ser informado oficialmente pela direção do IML de Arapiraca sobre os servidores faltosos, a Perícia Oficial abrirá processo administrativo que deverá ser apurado pela instância competente, a Corregedoria Geral da Secretaria de Segurança Pública.
  DEIXE SEU COMENTÁRIO

“Os comentários abaixo não expressam a opinião do Portal Já é Notícia, que não se responsabiliza pela declaração do leitor.”

Últimas Notícias
©Todos os direitos reservados - 2017
Agência Lúmen